Dando prosseguimento às informações sobre as doenças de pele aqui vai a segunda mensagem:

2 - Dermatite seborreica é uma inflamação crônica da pele que aparece em indivíduos predispostos às lesões, nas áreas de maior oleosidade do corpo, ou seja, com maior concentração de glândulas sebáceas.
A frequência maior é no couro cabeludo, caracterizado pela oleosidade excessiva, coceira e descamação (caspa), que pode ser fina ou até formar crostas. Na pele, leva ao aparecimento de lesões avermelhadas que atingem principalmente a face (contorno nasal, supercílios e fronte), orelhas e parte central do tórax.
O início geralmente ocorre na puberdade, pois nesta fase, devido à ação dos hormônios androgênicos, a atividade das glândulas sebáceas é intensa. Também pode acontecer com recém-nascidos, devido à ação dos hormônios maternos. É uma afecção que apresenta caráter crônico, com períodos de melhora e piora principalmente no inverno e em situações de estresse emocional. Não há medicação que acabe definitivamente com a doença, mas os sintomas podem ser controlados. Deve-se evitar a ingestão de alimentos ricos em carboidratos, gorduras, bebidas alcoólicas e banhos quentes. O tratamento é feito com medicação de uso local na forma de xampus, loções capilares ou cremes e, em alguns casos, medicação via oral, por prescrição do médico.